Vias

 Os roteiros dos nossos passeios são preferencialmente por terra, mas sempre tem trechos de vias pavimentadas como ruas urbanas, estradas vicinais pavimentadas e trechos de acostamento em rodovias.

 Na parte de terra encontramos os seguintes tipos de vias: 

  • Estradão de terra batida, que são caracterizados por uma largura suficiente para dois automóveis se cruzarem tranqüilamente e ter um piso bem duro.
  • Estrada de terra padrão, estreita com piso bom em sua maior parte.
  • Estrada de terra precária, com pisos mal cuidado, havendo buracos, erosões e pedras soltas.
  • Estrada abandonada, com o mato tomando conta da via, não chega a ser um single track.
  • Single track, via super estreita, onde não é possível duas bikes não seguirem lado-a-lado, este tipo de via, normalmente tem buracos e erosões e a quantidade deste e a inclinação da via é que vão determinar o seu nível de dificuldade.

 A qualidade do piso da via é o fator que mais influencia a performance do ciclista que ainda não tem muita experiência e/ou segurança na condução da bicicleta, principalmente nas descidas.

Os roteiros na questão das vias são classificados nos seguintes níveis:

Dificuldade Características Recomendações
Nenhuma Não existe no MTB -----------------
Muito pouca Roteiro bastante homogêneo com a maior parte em estradas com boas condições de conservação Ideal para iniciantes
Pouca Pequenos trechos com conservação precária Bom para iniciantes ganharem mais experiência;
Sub-moderada Descidas mais constantes, piso precário em parte do roteiro Exige atenção e alguma experiência para manter o ritmo
Moderada Roteiro um tanto variado, mas prevalecendo estradas e razoável estado de conservação. Se o ritmo for lento ou devagar é ideal para os iniciantes ganharem confiança.
Exigente Roteiro bem variado, com alguns trechos técnicos Ideal para os bikers novatos e intermediários adquirirem experiencia.
Meio difícil Parte bastante significante do roteiro com trechos bem técnicos. Os mais experientes vão tranqüilo, os demais é melhor não arriscar e empurrar a bike.
Deste nível em diante não é recomendado para Iniciantes/Novatos
Difícil Maior parte do percurso com trechos técnicos. Deixa o roteiro bem cansativo.
Só vai que sabe.
Muito difícil Longos trechos de vias técnicas, erosões, pedras soltas, etc Sem técnica e/ou coragem só empurrando a bike.

Não é recomendado aos menos experientes, participarem de passeios de níveis difíceis, já no nível moderado, se for no ritmo tranqüilo, dá pra ir sossegado. Passeios de qualquer nível de dificuldade de vias em ritmo meio ligeiro ou mais rápido é preciso ter experiência na condução da bike.