Subidas

 Na modalidade Mountain Bike, a denominação já diz tudo “Bicicleta de Montanha” então não tem como fugir das subidas se você quer praticar o verdadeiro Mountain Bike. Alem disso os lugares mais bonitos, geralmente, estão nos topos dos morros e pra chegar lá, aja subidas.

 Como classificar uma subida dizendo que ela é curta ou longa, leve ou pesada? Isso vai depender de cada um e do momento em que se vai enfrentar a dita cuja. Uma mesma subida vai dar uma percepção diferente dependendo apenas do ponto em que ela vai estar na sua pedalada, mas em via de regra, se ela estiver mais para o final vai ser mais dolorosa.

 Para nossa classificação vamos considerar apenas a distancia e a inclinação em relação a um ciclista acostumado a pedalar com razoável freqüência.

 Subidas curtas

São aquelas que tem no máximo 300 metros de extensão, desde que não ultrapassem os 5% de inclinação na média e tenha pequenos trechos com no máximo 8% de inclinação. Caso a inclinação passe, na média, dos 10%, ai, a mesma, não pode ter mais de 150 metros de extensão.

 Subidas médias

Estas têm entre 300 e 500 metros de extensão com inclinação média de 8%

 Subidas meio longas

Aqui, uma subida média, descrita anteriormente, mas com inclinação entre 10 e 15% podem ser classificadas como meio longas, assim como as subidas com extensão entre 500 e mil metros, mas com inclinação média menos que 8%.

 Subidas longas

Qualquer subida acima de um quilometro já pode ser considerada longa.

 Serras

Quando temos uma seqüência de subidas meio longas e longas, intercaladas por pequenos trechos planos ou declives, podemos denominar como um serra. 

Altimetria das subidas

Uma subida é considerada leve se na sua maior parte ela não ultrapassar os 5% de inclinação, entre 5 e 7,5% já é considerada uma subida sub-moderada, entre 7,5 e 10% moderada, entre 10 e 12,5% meio pesada, já as subidas pesadas estão entre 12,5 e 20% e acima destes 20% são as muito pesadas.

Relação entre altimetria e distancia

Uma forma de interpretar a altimetria de um roteiro é com a relação da somas das subidas com a distancia, nós usamos o acumulado de subidas para cada dez quilometros, veja tabela abaixo

Metros p/ cada 10 km dificuldade
menos de 100 roteiro leve
de 100 a 150 sub-moderado
de 150 a 200 Moderado
de 200 a 300 Meio pesado
acima de 300 Pesado

Outra coisa a ser considerada é a homogeniedade do roteiro, a dificuldade especificada na tabela acima é para roteiro homogeneos.